Excertos de Eduardo Galeano

Eduardo Hugues Galeano, jornalista e escritor,  nasceu em 1940, em Montevidéu  e é  mundialmente reconhecido por suas obras jornalísticas e literárias .

Dentre seus mais consagrados livros estão: De pernas pro ar, Dias e noites de amor e de guerra, Futebol ao sol e à sombra, O livro dos abraços, Memória do fogo, Mulheres, As palavras andantes, Vagamundo e As veias abertas da América Latina.

A seguir, colacionamos dois excertos que demonstram cabalmente a grandiosidade e versatilidade do referido escritor uruguaio, que domina o mundo das palavras e discorre à vontade sobre o tema que for.

Janela Sobre Uma Mulher (em As Palavras Andantes)

“Essa mulher é uma casa secreta. Em seus cantos, guarda vozes e esconde fantasmas.

Nas noites de inverno, jorra fumaça. Quem entra nela, dizem, não sai nunca mais.

Eu atravesso o fosso profundo que a rodeia.

Nessa casa serei habitado. Nela me espera o vinho que me beberá. Muito suavemente bato na porta, e espero.”


A dignidade da arte (em O Livro dos Abraços)

“Eu escrevo para os que não podem me ler. Os de baixo, os que esperam há séculos na fila da história, não sabem ler ou não tem com o quê.

Quando chega o desânimo, me faz bem recordar uma lição de dignidade da arte que recebi há anos, num teatro de Assis, na Itália. Helena e eu tínhamos ido ver um espetáculo de pantomima, e não havia ninguém. Ela e eu éramos os únicos espectadores. Quando a luz se apagou, juntaram-se a nós o lanterninha e a mulher da bilheteria. E, no entanto, os atores, mais numerosos que o público, trabalharam naquela noite como se estivessem vivendo a glória de uma estréia com lotação esgotada. Fizeram sua tarefa entregando-se inteiros, com tudo, com alma e vida; e foi uma maravilha.

Nossos aplausos ressoaram na solidão da sala. Nós aplaudimos até esfolar as mãos.”

Telma

Anúncios

3 Respostas so far »

  1. 1

    Oilá queridas! Quanta emoção… Galeano sempre foi pra mim uma referência poética. Muito obrigado por me darem a oportunidade de revivê-lo. 1001 beijos!

    • 2

      Telma e Karina said,

      Oi, Cris! Obrigada pela visita! Galeano é um excelente poeta e vamos procurar postar mais textos dele aqui no blog para emocionar a todos! Um beijo! Karina e Telma

  2. 3

    Olá. Vc poderia me ajudar com a referência bilbiográfica do exerto que diz:~
    A Igreja diz: o corpo é uma culpa.
    A Ciência diz: o corpo é uma máquina.
    A publicidade diz: o corpo é um negócio.
    E o corpo diz: eu sou uma festa.

    Grata!


Comment RSS · TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: