“Os Meses”, de Bilac: Maio

No mês de maio, Olavo Bilac exalta a abolição da escravidão no Brasil, referindo-se à assinatura pela Princesa Isabel da Lei Áurea em 13 de maio de 1888.

Vejam:

“Coro de crianças:

Passem os meses desfilando!

Venha cada um por sua vez!

Dancemos todos, escutando

O que nos conta cada mês!

 negros*

Maio:

Dai-me vivas! Dai-me palmas!

Exultem todas as almas,

Cheias de um vivo fulgor

Todo o Brasil, congregado,

Saúde o mês consagrado

da Liberdade e do Amor!

A grande raça oprimida

Abre as portas da vida,

As portas da redenção!

Mudei em risos as dores,

Mudei em tufos de flores

Os ferros da escravidão!

Treze de Maio! A desgraça

Findou de toda uma raça!

– Aos beijos, dando-se as mãos

Os brasileiros se uniram,

e o cativeiro aboliram,

Ficando todos irmãos.

 

 Coro de crianças:

Maio já deu o seu recado…

Prossiga, em danças, a função!

Entre na roda o mês amado,

O alegre mês de São João!

 

* Ilustração: “Dança dos Negros ao Luar” – xilogravura de Lasar Segall – 1929

Karina

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: