Canção do Amor-Perfeito, Cecília Meireles

“Canção do Amor-Perfeito

O tempo seca a beleza.
seca o amor, seca as palavras.
Deixa tudo solto, leve,
desunido para sempre
como as areias nas águas.

O tempo seca a saudade,
seca as lembranças e as lágrimas.
Deixa algum retrato, apenas,
vagando seco e vazio
como estas conchas das praias.

hour_glass

O tempo seca o desejo
e suas velhas batalhas.
Seca o frágil arabesco,
vestígio do musgo humano,
na densa turfa mortuária.

Esperarei pelo tempo
com suas conquistas áridas.
Esperarei que te seque,
não na terra, Amor-Perfeito,
num tempo depois das almas.”

 O belo poema acima, que analisa o poder destruidor do Tempo, que tudo elimina, pertence ao livro “Retrato Natural” (de 1949).

Karina

Anúncios

4 Respostas so far »

  1. 1

    CECILIA É ÚNICA EM SUA MANEIRA DE ESCREVER….ADOREI….TÁ LINDO SEU BLOG,PENA QUE EU NÃO CONSEGUI ENCAMINHAR MEUS POSTS PARA MEU NOVO BLOG,TENHO UM NO LIVE,MAS NAO SEI COMO TRANSFERIR PARA ESTE WORDPRESS….

    • 2

      Telma e Karina said,

      Nós também adoramos a Cecília, Valéria! Obrigada pela visita! Quanto ao seu blog, quem sabe você não consegue mandando um e-mail para a ajuda do WordPress? Um abraço e volte sempre! Karina e Telma

  2. 3

    jardel said,

    essa poesia e muito linda;fiquei encantada qdo li.

  3. 4

    everton said,

    do que se trata o poema (amor-perfeito)?não consigo entende-lo


Comment RSS · TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: