Leia Vinicius de Moraes para seus filhos

A obra do mestre Vinicius de Moraes, por nós sempre lembrada, é uma fonte inesgotável de delícias, para adultos e para crianças.

Atendendo a pedidos, dedicamos mais um post aos poemas infantis do “poetinha”, recomendando aos papais e mamães que leiam para seus filhos, iniciando-os no bom caminho da literatura. Apresentar Vinicus de Moraes às crianças é quase uma obrigação, tamanha a importância e magnitude de suas criações na seara infantil.

Assim, reproduzimos abaixo mais algumas maravilhas de Vinicius dedicadas aos pequenos. Podem esperar por mais em breve, caros leitores

 

NATAL

De repente o sol raiou

E o galo cocoricou:

 – Cristo nasceu!

O boi, no campo perdido

Soltou um longo mugido:

 – Aonde? Aonde?

Com seu balido tremido

Ligeiro diz o cordeiro:

 – Em Belém! Em Belém!

Eis senão quando, num zurro

Se ouve a risada do burro:

 – Foi sim que eu estava lá!

E o papagaio que é gira

Pôs-se a falar: – É mentira!

Os bichos de pena, em bando

Reclamaram, protestando.

O pombal todo arrulhava:

 – Cruz credo! Cruz credo!

Brava a arara a gritar começa:

 – Mentira? Arara. Ora essa!

 – Cristo nasceu! canta o galo.

 – Aonde? pergunta o boi.

 – Num estábulo! – o cavalo

Contente rincha onde foi.

Bale o cordeiro também:

 – Em Belém – Mé! Em Belém

E os bichos todos pegaram

O papagaio caturra

E de raiva lhe aplicaram

Uma grandíssima surra”.

 

A CACHORRINHA

Mas que amor de cachorrinha!

Mas que amor de cachorrinha!

Pode haver coisa no mundo

Mais branca, mais bonitinha

Do que a tua barriguinha

Crivada de mamiquinha?

Pode haver coisa no mundo

Mais travessa, mais tontinha

Que esse amor de cachorrinha

Quando vem fazer festinha

Remexendo a traseirinha?”

 

“O GATO

Com um lindo salto

Lesto e seguro

O gato passa

Do chão ao muro

Logo mudando

De opinião

Passa de novo

Do muro ao chão

E pega corre

Bem de mansinho

Atrás de um pobre

De um passarinho

Súbito, pára

Como assombrado

Depois dispara

Pula de lado

E quando tudo se lhe fatiga

Toma o seu banho

Passando a língua

Pela barriga”.

 

Telma

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: