O Velho e o Mar, de Ernest Hemingway

Ernest Hemingway, autor da obra-prima da literatura mundial  “O Velho e o Mar”, nasceu em Oak Park, no Estado de Illinois, nos Estados Unidos em 21 de julho de 1899.

A obra de Hemingway é, em grande parte, autobiográfica e seu estilo conciso – adquirido nos tempos em que trabalhou como jornalista – influenciou a forma de escrever no século 20.

Hemingway teve a vida marcada por grandes aventuras e agitações. Esteve presente em duas guerras mundiais, acompanhou de perto a Guerra Civil Espanhola, casou-se quatro vezes e aventurou-se em safáris pela África no fim de sua vida.

O escritor americano viveu durante 22 anos em Cuba e foi lá (em 1952) que escreveu “O Velho e o Mar”, obra que lhe valeu o Prêmio Pulitzer e que foi fundamental para que ganhasse o Prêmio Nobel de Literatura.

Aos 62 anos, com muitos problemas de saúde, Hemingway se suicidou com um tiro com uma das armas que usava para caçar.

Ernest Hemingway, publicou outros livros de grande relevância para a literatura mundial, mas hoje falaremos de “O Velho e o Mar” que, na nossa opinião, foi sua obra-prima.

O “Velho e o Mar” tem como personagem central um velho pescador cubano chamado Santiago.  Santiago está há 84 dias sem fisgar nenhum peixe e, por essa razão, completamente desacreditado por seus companheiros pescadores.

A única pessoa que ainda crê nas habilidades do velho é um menino que fora seu aprendiz em algumas pescarias, mas que foi forçado pela família a deixar de acompanhá-lo.

Santiago, munido de enorme confiança e disposto a recuperar seu prestígio perante os companheiros de pescaria, segue então sozinho com seu pequeno barco para alto-mar. Lá, fisga um peixe de tamanho descomunal, que o obriga a travar, durante dias, intensa luta para conseguir capturá-lo definitivamente. Nessa batalha em mar aberto, Santiago sofre todo tipo de adversidades, desde a escassez de comida e ferimentos variados, até a incansável perseguição de tubarões. Mas o velho não se deixa abater e luta até o fim para provar o seu valor.

O livro conta a estória de um homem persistente e de inabalável confiança em si próprio, mesmo diante dos terríveis obstáculos que a vida lhe impõe.

A obra “O Velho e o Mar”, envolve o leitor nas angústias e sonhos do velho pescador de forma pungente, o fazendo quase que sentir na própria pele a dor do combate extenuante pelo qual passa Santiago.

 Enfim, o livro nos mostra de modo sublime a imensa capacidade do homem de superar as limitações.

Vale a pena ler!

Karina

Anúncios

3 Respostas so far »

  1. 1

    joice teixeira said,

    oiii este é muito bom vale mesmo a pena lerr

  2. 3

    Isa Correia said,

    Gostei muito desse livro.
    Isa


Comment RSS · TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: