Dia dos Pais

O Dia dos Pais está chegando. Para uns é apenas mais uma daquelas datas destinadas ao consumismo desenfreado, para outros, o dia é especial e deve sim ser comemorado.

Para nós do blog, a aproximação da data nos fez lembrar de um livro que retrata a estória de um pai que ama incondicionalmente suas filhas e delas só recebe desprezo e que indicamos como leitura obrigatória: O Pai Goriot (Le Père Goriot) , de Honoré de Balzac.

A obra, datada de 1835, é um dos romances mais famosos do aclamado escritor francês e retrata fielmente a sociedade parisiense do século XIX. Pai Goriot é um ex-comerciante de trigo que enriqueceu durante a Revolução Francesa, mas que acaba vivendo em constante privação, pois dispende toda a sua pequena fortuna para satisfazer os caprichos de suas duas filhas, Delphine e Anastasie, damas da alta sociedade pariesiense, pelas quais nutre imensurável e cego amor. Além da figura central do velho pai há outros personagens de grande complexidade.

O próprio Balzac – em carta escrita a sua futura esposa – disse sobre a obra: “Uma coisa que você não espera é O pai Goriot, uma obra-prima. A pintura de um sentimento tão grande que nada o esgota, nem os atritos, nem as feridas, nem as injustiças, um homem que é pai como um santo, um mártir e um cristão”.

Tinha razão. Vale a pena ler!

Abraços a todos e boa leitura!

Feliz Dia dos Pais

Karina

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: